top of page

Universo Spanta: festival promete agitar verão carioca com mais de 200 shows

Falta pouco para começar o maior festival de música do verão carioca, o Universo Spanta. Ao longo de 14 dias de shows, mais de 200 atrações vão passar pela Marina da Glória, às margens da Baía de Guanabara, em uma área de 60 mil metros quadrados.


A programação tem início no dia 5 e segue por todos os fins de semana de janeiro. Tem pop, axé, rap, trapp, MPB, sertanejo, piseiro, forró, samba e carnaval. Entre as atrações estão Ivete Sangalo, Emicida, Thiaguinho, IZA, Zeca Pagodinho, Ludmilla, Jão, Ney Matogrosso, Gloria Groove, Pabllo, Mano Brown, Paulinho da Viola e Jorge e Mateus.




O primeiro fim de semana do festival começa na quinta-feira, 5 de janeiro, com o pop de Lulu Santos, além de uma homenagem à Marília Mendonça, que foi um dos primeiros nomes anunciados, ainda em 2021, para a edição de 2022. O show, que está sendo planejado pela equipe artística do evento, terá um trio de cantoras de diferentes estilos musicais e gerações: o sertanejo raiz e universitário da paraibana Bizay, a cantora e compositora Ana Cañas e a mistura de MPB e soul Paula Lima. Esse dia será apenas para convidados, entre os quais estarão os profissionais de saúde também homenageados pela atuação na pandemia.


No dia seguinte, 6 de janeiro, sexta-feira, o evento abre para o público em geral com um line-up dedicado à cena musical jovem. A família Gil se faz presente com os Gilsons com um convidado pra lá de especial: Gilberto Gil. Já Duda Beat recebe no palco Flor Gil. A noite fica completa com o som contagiante de Marina Sena. A festa também contará com a miscelânea de sons dos mineiros da banda Lamparina, do Chico Chico e do Bloco 442. E mais Marcelinho Da Lua, Yasmin Vilhena, Maracutaia Sonora, Glitterada, Minha Luz É De Led, Bruna Strait.


No sábado, o tradicional mosaico cultural do Universo Spanta traz atrações consagradas: o axé de Ivete Sangalo, o samba de Zeca Pagodinho, o pagode romântico de Ferrugem e o sertanejo com Maiara e Maraisa. No Palco Corcovado, os encontros, marca registrada do Universo Spanta, vão agitar os shows do cantor e compositor Luan Otten, com a participação de Elana Dara e Mariana Nolasco, e da banda Melim, que convida Ana Gabriela e Outroeu. Vitão e o bonde do Eu Amo Baile Funk se somam ao line do dia. Ainda tem carnaval por conta do Vem Cá Minha Flor, Orquestra Voadora, São Clemente, da Roda do Spanta, mas a irreverência de Silvia Machete. Fechando o primeiro fim de semana, no domingo, 8 de janeiro, o festival reúne blocos cariocas tradicionais e da nova geração, em uma grande exaltação às origens do Spanta e ao carnaval de rua. Dez agremiações estão confirmadas: o Bloco Spanta Neném é o grande anfitrião e recebe nomes como ‘Bloco do Sargento Pimenta’, ‘Mulheres de Chico’, ‘Toca Rauuul’ e ‘Cordão da Bola Preta’.


O segundo fim de semana começa numa sexta-feira 13, mas a vibração será positiva, misturando atitude e poesia com Emicida, Planet Hemp, BaianaSystem, Rael e Francisco, El Hombre. No sábado, 14, a alegria continua a mil com os shows de Thiaguinho, Luísa Sonza, Os Paralamas do Sucesso, Zé Neto e Cristiano, Lagum, Mangueira, Jongo da Serrinha, Fogo e Paixão e muito mais. No domingo, 15, grandes mestres da MPB sobem ao palco, entre eles Ney Matogrosso, Nando Reis, Paulinho da Viola, acompanhado dos filhos Bia e João Rabello, assim como Zizi Possi que estará ao lado de Luiza Possi.


Na penúltima semana, o festival começa mais cedo. Na quinta, 19 de janeiro, véspera de feriado no Rio de Janeiro, a noite será do piseiro e do forró com duas potências da nova geração, os cearenses Mari Fernandez e Nattan, mais conhecido como ‘Nattanzinho’, que junto às atrações consagradas Limão Com Mel, Calcinha Preta e Xand Avião, vão promover uma grande festa da música nordestina.


Na sexta, 20, o rap e o trap tomam conta da programação com seu ritmo, versos e letras cheias de engajamento político, social e cultural, unindo a tradição de Mano Brown e Black Alien, com a nova geração com L7nonn, Djonga e Matuê. No sábado, 21, o line-up traz o retorno de Ludmilla ao festival. A cantora, que já participou de diversas edições desde o início do evento, se junta à dupla Jorge e Mateus, Alok, Menos é Mais, Mumuzinho, Céu na Terra, Beija-Flor e muitos outros. E, no domingo, 22, a energia baiana desembarca no Rio com o axé de Durval Lelys, Saulo, Xanddy Harmonia e muito mais em um dia que não vai deixar ninguém parado.


O último fim de semana é eclético. Na sexta, 27 de janeiro, o festival abre espaço para o pop potente de Pabllo Vittar, Gloria Groove, Pocah, Majur, o carnaval de Bloconcé e Sereias da Guanabara, entre outros, numa grande festa colorida. No sábado, 28, tem mais música plural com os shows do furacão Iza, o arrebatador Jão, além de Xamã, Fábio Jr., Claudia Leitte, Alcione, Dilsinho, Salgueiro, Agytoê, e muito mais. E, no domingo, 29 de janeiro, encerrando a edição 2023 do Universo Spanta, Xande De Pilares, Pixote, Belo e Fundo De Quintal - com participação de Leci Brandão e Arlindinho -, vão promover uma grande festa do samba no esquenta para o carnaval carioca. E para celebrar as rodas de samba, ainda tem Awure, SIBC (Samba Independente dos Bons Costume) com Moyseis Marques; e Moça Prosa com Nego Álvaro e Pede Teresa com Nilze Carvalho.

Comentarios


bottom of page