Para que serve um mapa astral?

Para responder essa pergunta, devemos antes entender o que é um mapa astral


Mapa astral é uma ferramenta astrológica de autoconhecimento, é uma fotografia do céu do momento em que nascemos, com os estudos da astronomia e da astrologia isso se tornou possível e conseguimos agora obter informações dos astros que estão anos luz de distância de nós, terráqueos, e entender como eles nos influenciam.


Já é comprovado cientificamente que as fases da lua influenciam a maré do mar, quando a lua está na fase nova ou cheia, a maré está alta; quando as fases são crescente ou minguante, a maré é baixa, mas não é a lua que vai determinar o volume de água no oceano e sim uma equação das forças gravitacionais.



Como muitos sabem, o nosso corpo é composto por 70% de água, somos seres sensíveis e estamos todos conectados uns aos outros e com a natureza, aqui no ocidente, é mais difícil compreender a nossa conexão com o universo, corpo, mente e espirito, costumamos separar tudo, como se o nosso cérebro fosse algo que funcionasse independentemente do nosso corpo ou das nossas emoções e vice versa, mas está tudo conectado, e as nossas escolhas individuais também afetam o todo. E é assim que começamos a entender a astrologia e a nossa função nesse mundo que parece grande, mas é bem pequeno em comparação a imensidão disso tudo.


Acredito que a maioria das pessoas que estão lendo esse texto sabem qual é o seu signo e já devem ter lido horóscopo de jornal alguma vez na vida, nem se for só por curiosidade, mas poucos sabem que o seu signo é onde estava o SOL no momento em que você nasceu, ou seja, o SOL fica mais ou menos 1 mês em cada signo, por exemplo: do dia 21 de junho - 22 de julho o sol está em câncer, portanto quem nasceu nesse período é canceriano. Mas, você já se perguntou onde estava a lua no dia em que você nasceu? Onde estava mercúrio? Marte? Plutão? O mapa astral vai te mostrar tudo isso, além das casas. São 12 signos e 12 casas na mandala astrológica, cada casa do mapa diz respeito a uma área da sua vida.


Significado das casas no Mapa Astral


Casa 1 - Também conhecida como o ASCENDENTE, o signo que está nascendo no horizonte no momento em que você nasce, a casa 1 está relacionada ao EU, a sua individualidade e ao seu eu exterior e como você se projeta para a sociedade, a primeira impressão que você causa nas pessoas e como elas te enxergam

Casa 2 - Dinheiro, finanças, a sua vida material, lucros

Casa 3 - Irmãos, vizinhos, primos, a maneira como você se comunica, seus pensamentos e a sua mente

Casa 4 - Família, casa, lar, onde você mora, representa também uma figura materna na sua vida

Casa 5 - Namoro, crushes, romance, entretenimento, como você se diverte, o que você faz no seu tempo livre, e também a casa dos jogos (loteria $$)

Casa 6 - Trabalho, carreira, profissão, a sua rotina e saúde

Casa 7 - Casamento, relacionamentos duradouros, parcerias firmes e os astrólogos tradicionais também consideram a casa 7 como se fosse a casa do inimigo declarado

Casa 8 - Heranças, o dinheiro dos outros, morte e renascimento, transformação

Casa 9 - Viagens, estrangeiro, faculdade, estudos superiores, a casa do ensino, da filosofia, religião, política, suas crenças

Casa 10 - Representa uma figura paterna na sua vida, também é a casa da carreira, da profissão, do futuro, do seu destino, para onde você deve ir

Casa 11 - Amigos, grupos sociais que você está inserido, pessoas que fazem parte do seu ciclo social e como você se relaciona com elas, também é a casa da ONG, do trabalho voluntário, das invenções e da genialidade

Casa 12 - Os astrólogos tradicionais consideram a casa 12 como se fosse a casa do inimigo oculto, também é a casa do karma, das vidas passadas, do isolamento, da espiritualidade e representa a nossa relação com o divino


Além das casas, através do mapa astral também interpretamos os planetas e asteroides em cada casa e quais aspectos eles estão formando entre si.


O mapa astral serve para nos ajudar a se conhecer melhor, os astros tem muito a dizer sobre nós mesmos, padrões comportamentais, personalidade, saúde, relacionamentos amorosos, as possibilidades mais fortes para a carreira e etc. Lembrando que cada astrólogo aborda o mapa a sua maneira, eu por exemplo, trabalho com a astrologia moderna e a comunicação não violenta, enxergo o mapa astral de cada pessoa como ferramentas necessárias que ela trouxe nessa vida para serem desenvolvidas e trabalhadas de acordo com o propósito dela aqui, tudo no mapa são tendências e possibilidades mais fortes, nada é 100% certo, é claro que com uma boa leitura, um bom astrólogo, podemos acertar muitos acontecimentos analisando os trânsitos e o mapa natal de maneira precisa, mas é importante entender que tudo o que falamos para alguém tem um peso, evite criar crenças limitantes para os outros e para si mesmo, dizer que aquilo jamais vai acontecer por força do destino ou que aquilo com certeza vai acontecer, pode gerar ansiedade e incomodo. Também é importante entender a diferença entre comunicação não violenta e positividade tóxica, quando alguns astrólogos tentam tranquilizar o cliente sobre os períodos desafiadores da vida dele e faz com que tudo pareça lindo e maravilhoso, quando na verdade não é bem assim.


A astrologia nos ajuda a enxergar o nosso lado luz e sombra, é preciso ter maturidade e humildade para fazer uma leitura de mapa astral, filtrar as informações que você vai receber e como aquilo pode te ajudar a melhorar como ser humano e superar traumas e bloqueios. Nada é 100% bom ou 100% ruim, tudo aquilo que estava escrito nas estrelas no momento em que nascemos é por uma razão maior, a ansiedade gera bloqueios e o medo nos paralisa, o importante é tomar consciência de que tudo é temporário, inclusive nossa existência nesse mundo, ter uma visão mais ampla do todo e aprender a respeitar nossos limites.


Todos deveriam buscar o autoconhecimento e fazer a leitura de mapa astral pelo menos uma vez na vida. É uma ferramenta facilitadora que nos ajuda a integrar o melhor que existe em nós quando entendemos os ciclos que estamos passando na nossa vida e o que cada fase veio nos ensinar.


_____


A categoria "AstroTelas" traz quinzenalmente reflexões sobre a astrologia e temas afins. Vamos entender um pouco melhor como os astros afetam nossa vida e como podemos participar ativamente desse processo.