Orgulho Nerd: 6 mulheres brasileiras do mundo gamer pra conhecer e exaltar!

Celebrando a cultura geek, o dia da Toalha (ou Dia do Orgulho Nerd) foi comemorado nesta segunda-feira (25). Com isso, nossa última lista apresentou 5 cosplayers brasileiras para conhecermos e admiramos o trabalho incrível que fazem. Na lista de hoje, continuaremos a celebrar esse universo que vem crescendo cada vez mais e engloba desde histórias em quadrinhos e videogames a desenhos e mangás.


Não é novidade pra ninguém que o cenário gamer vem crescendo muito nos últimos anos com o avanço da tecnologia e mundo digital. Além de ser uma forma de entretenimento, os jogos hoje também geram profissionais que trabalham e ganham dinheiro com os eSports. De acordo com a Pesquisa Game Brasil 2019, realizada pelos grupos Sioux Group, Go Gamers, Blend e ESPM, 53% dos jogadores de todo o país são mulheres. Pensando nisso, resolvemos trazer na lista de hoje um pouco mais sobre o cenário gamer feminino apresentando 6 mulheres que estão, aos poucos, construindo carreira e ganhando fama nos jogos.



Mônica “Riyuuka” Arruda

Riyuuka é um dos grandes destaques femininos no LoL (League of Legends), um dos games mais jogados no mundo. Estudante de Sistemas de Informação, ela começou a fazer streams de LoL há, aproximadamente, cinco anos e continua divulgando seus games diariamente com a camisa da paiN, umas das organizações de maior tradição do game.


Instagram | Facebook | Youtube | Discord



Pamella “pan” Shibuya

Conhecida no mundo gamer e principalmente por quem acompanha as competições de FPS (“First Person Shooter”), Pan é jogadora profissional de CS (Counter Strike) e participa de competições desde 2010. Com a profissionalização do eSport, Pan teve a oportunidade de participar das principais line ups femininas de “CS:GO” no país, e marcou seu nome na história do eSport brasileiro.


Instagram | Facebook | Twitter | Youtube



Luana “Ludarc” Felix

Conhecida na comunidade de Smite como Ludarc, a atiradora Luana começou a jogar profissionalmente em 2015 pela CNB, uma das grandes organizações do cenário. Os jogos começaram na sua vida ainda quando criança ao ganhar um Polystation. Só depois vieram os jogos no computador, e aí a cyber atleta encontrou o mundo dos RPGs como “Tibia”, “CS”, “Mu” e “Grand Chase”.


Instagram | Facebook | Youtube



Nicolle “Cherrygumms” Merhy

A primeira pro player feminina de Tom Clancy’s Rainbow Six Sieg foi Cherrygumms. Começou suas atividades no cenário competitivo de Quake e aos poucos se tornou profissional no jogo de tiros da Ubisoft, uma desenvolvedora de jogos eletrônicos. Enquanto alavancou seu canal com gameplays, Cherry (como é conhecida por fãs) também criou a organização de eSports Black Dragons, que é atualmente um dos melhores times de Rainbow Six do Brasil.


Instagram | Facebook | Twitter | Youtube



Além de gamers


Nyvi Estephan

Gamer desde criança, Nyvi Estephan sempre teve proximidade com os jogos. Durante a adolescência vivia nas lan houses jogando CS. Iniciou sua carreira como artista web na Gamewise e Mega Arena X5, apresentando os mais diversos campeonatos de esportes eletrônicos. Mesmo tendo cursado faculdade de moda, hoje ela é, além de apresentadora dos eSports, a nova embaixadora do Esports Awards e a primeira da América Latina. A premiação internacional é muito importante no cenário de esportes eletrônicos, sendo comparável ao Oscar.


Site | Instagram | Facebook | Twitter | Youtube



Nayara “NaySyl” Sylvestre

NaySyl é narradora profissional contratada pela Blizzard, uma desenvolvedora de games. A narradora oficial de Hearthstone no Brasil, o jogo de cartas de World of Warcraft, também arrasa como jogadora. A narração começou por acaso para NaySyl, que foi descoberta em uma stream e convidada, inicialmente, para narrar os campeonatos da Panda Gaming.


Instagram | Facebook | Twitter | Youtube




Além dessas 6 profissionais incríveis dos gamers, existem milhares de mulheres que ocupam e conquistam seus espaços nos jogos mostrando que o lugar de mulher é onde ela quiser!



____

Listas semanais com dicas selecionadas sobre filmes, séries, músicas, livros e peças teatrais. É nessa categoria que você descobre sugestões do que assistir nas plataformas de streaming ou o que fazer em um dia atoa em casa.