Dia do Rock: 6 mulheres históricas da música

Hoje é dia de rock, bebê! Literalmente. 13 de julho se comemora o Dia Mundial do Rock aqui no Brasil. A data foi criada em homenagem ao festival Live Aid, que aconteceu em Londres, nesse mesmo dia, em 1985. O evento tinha o objetivo de arrecadar fundos para diminuir a fome na Etiópia e contou com apresentações históricas, como a da banda Queen. Quem assistiu "Bohemian Rhapsody", filme sobre a vida de Freddie Mercury, sabe bem do que estou falando!


Como em tantas outras áreas, o gênero do rock é dominado por homens. Quando se fala do estilo musical, muitas vezes apenas nomes masculinos vêm à cabeça inicialmente. Só pensar nas bandas mais conhecidas: AC/DC, Led Zeppelin, Pink Floyd. O que todas têm em comum? São feitas por integrantes homens, apenas.


Uma pesquisa do jornal britânico Telegraph, feita em 2014, procurou analisar o gênero das principais atrações de algum dos maiores festivais da região. Para isso, olharam a fundo eventos como Isle of Wight, Glastonbury e Latitude. O resultado não surpreende: todos, sem exceção, tem como grande maioria atrações masculinas - ou de bandas só de homens ou de artistas solos. Em seguida, estão as bandas mistas, com homens e mulheres. Por fim, na base, vêm as bandas femininas ou artistas solos mulheres.


Mas não é preciso de muita pesquisa para encontrar nomes de mulheres incríveis no rock. Seja na gringa ou no Brasil, nas décadas passadas ou atualmente, tem muita artista incrível que marcou e vem marcando seu nome na história.


Por isso, no Dia do Rock, separamos seis artistas mulheres que ajudaram a transformar o gênero musical no que ele é hoje.


1. Joan Jett

Joan é definitivamente uma lenda do rock. Muito conhecida pela sua versão da música "I Love Rock 'n Roll", Jett teve grande sucesso na década de 70, ao lado de suas companheiras na banda The Runaways. Nascida em 22 de setembro de 1958 em Pensilvânia, a americana foi considerada pela revista Rolling Stone uma das melhores guitarristas do mundo. Além dela, apenas uma outra mulher entrou para a lista: a canadense Joni Mitchell.


Músicas para ouvir hoje: I Love Rock 'n Roll, Bad Reputation e I Hate Myself For Loving You.



2. Rita Lee


O Brasil, claro, também possui roqueiras de peso! Nascida em 31 de dezembro de 1947, Rita Lee é considerada a rainha do rock brasileiro, e não é para menos. Seja em sua trajetória com os Mutantes (1966 - 1972), com a banda Tutti Frutti (1973 - 1978) ou em carreira solo, Rita possui um repertório que marcou diversas gerações. Durante a ditadura militar no país, muitas músicas da cantora e compositora foram censuradas - ela chegou, inclusive, a ser presa. Mesmo estando grávida na época de sua condenação, a artista não recebeu os cuidados necessários, quase perdendo o bebê.


Músicas para ouvir hoje: Agora só Falta Você, Ovelha Negra e Lança Perfume.



3. Janis Joplin


É difícil falar de rock sem mencionar Janis Joplin, certo? A americana foi uma importante cantora, compositora e instrumentista, sendo considerada um dos maiores nomes do rock da década de 1960. Ganhou fama como vocalista da banda Big Brother and the Holding Companye, mas foi como artista solo que realizou alguns de seus trabalhos mais marcantes. Janis Joplin faleceu precocemente, aos 27 anos, em 4 de outubro de 1970, devido a uma overdose.


Músicas para ouvir hoje: Cry Baby, Maybe e Piece of My Heart.




4. Cássia Eller


Outra roqueira importante no Brasil foi Cássia Eller. Com cinco álbuns e um Grammy Latino, a cantora, compositora e multi-instrumentista fez sucesso no rock dos anos de 1990. Porém, assim como as outras listadas aqui, Cássia ultrapassou as barreiras do gênero, conquistando fãs de todos os estilos. Assumidamente bissexual, a artista teve que superar muitos preconceitos, pela sua aparência e estilo considerados mais masculinos pela sociedade. Infelizmente, morreu cedo aos 39 anos, em 2001, devido a um infarto.


Músicas para ouvir hoje: Malandragem, O Segundo Sol e Palavras ao Vento.



5. Patti Smith


A poetisa, cantora e compositora Patti Smith marcou o movimento punk da década de 1970, sendo também uma estrela do rock. A artista ficou conhecida ainda em seu álbum de estreia, chamado "Horses" (1975). Além de trazer temáticas feministas para o meio, ela também tornou-se militante da saúde mental, após ter passado por um período suicida. Patti continua na ativa, escrevendo livros e poemas. Porém, seu álbum mais recente é de 2012 - um dos 11 que lançou.


Músicas para ouvir hoje: Because the Night, Gloria e Summer Cannibals.



6. Stephanie Phillips

Existe algo em comum entre as poucas mulheres que conseguiram se destacar no gênero do rock ao longo da história: são todas brancas. Por isso, não poderíamos encerrar a lista sem citar uma mulher preta que vem marcando seu espaço no rock atualmente. Stephanie Phillips é guitarrista e vocalista no trio britânico Big Joanie, junto a Estella Adeyeri (baixo e vocal) e Chardine Taylor-Stone (bateria e vocal). As três são mulheres pretas e estão fazendo sucesso no cenário punk do Reino Unido. Algumas das inspirações da banda são Nirvana e Tina Turner.


Músicas para ouvir hoje: Dream No. 9, Way Out e Fall Asleep.


Gostou da lista? Quer conferir mais trabalhos de mulheres incríveis do rock? Fizemos uma playlist especial para o dia de hoje, com todas as canções citadas aqui e mais algumas marcantes do gênero. Confira:



____


Listas semanais com dicas selecionadas sobre filmes, séries, músicas, livros e peças teatrais. É nessa categoria que você descobre sugestões do que assistir!