6 diretoras que você precisa conhecer

A premiação do Oscar deste ano, que aconteceu em 9 de fevereiro, não foi diferente de tantas outras edições. A 92° edição da maior premiação do cinema não teve nenhuma mulher indicada na categoria de melhor direção.


Infelizmente, essa não é uma exceção. Em 92 edições, somente 5 mulheres foram indicadas para a categoria e só uma venceu! Esse acontecimento histórico ocorreu em 2010, quando Kathryn Bigelow levou a estatueta pela direção de “Guerra ao Terror”.


Isso mostra que a indústria do cinema ainda defende uma estrutura que exclui o reconhecimento das mulheres, principalmente, em funções importantes dentro da produção de um filme, série ou qualquer obra audiovisual!


Como podemos mudar isso?


O nosso papel nesse momento é buscar informação. Precisamos conhecer mais diretoras, mais roteiristas, produtoras… Precisamos consumir conteúdo feito por mulheres e divulgar esse conteúdo para amigos, familiares, conhecidos e desconhecidos.


Por isso, na lista dessa semana, eu te convido a conhecer (ou reconhecer) 6 diretoras mulheres que fizeram e fazem história dentro da indústria do cinema!


Lina Wertmüller


6 diretoras que você precisa conhecer

A diretora italiana Lina Wertmüller foi a primeira mulher a ser indicada na categoria de “Melhor Direção” na edição de 1977 do Oscar, ou seja, 48 anos após a sua criação. Em 2019, ela recebeu o Oscar Honorário, prêmio entregue a personalidades importantes para o meio audiovisual.


Lina possui um currículo extenso e atuou como diretora em mais de 30 projetos, entre filmes, documentários e séries. Dentre os seus filmes mais conhecidos, estão Pasqualino Sete Belezas (1975), responsável pela sua indicação ao Oscar, Por um Destino Insólito (1974) e The Basilisks (1963).


Greta Gerwig


6 diretoras que você precisa conhecer

Greta Gerwig começou a sua carreira na frente das câmeras e teve sua estreia como diretora e produtora em 2008 no filme Nights and Weekends. Seu segundo projeto atuando como diretora foi no renomado Lady Bird (2017), filme que rendeu uma indicação na categoria de “Melhor Direção” na edição do Oscar em 2018.


A direção de Greta traz conforto e reconhecimento. Em três filmes dirigidos, três protagonistas mulheres, cada uma com sua personalidade marcante que conquista o público criando uma sensação de reconhecimento. Seu último trabalho, Adoráveis Mulheres (2019), recebeu seis indicações na última edição do Oscar e levou a estatueta de “Melhor Figurino”.


Anna Muylaert


6 diretoras que você precisa conhecer

A diretora do renomado Que Horas ela Volta? (2015) também marca presença nessa lista! Anna Muylaert começou sua jornada como roteirista. Fez parte da equipe de diversos programas de TV famosos, entre eles Castelo Rá-Tim-Bum (1995), da TV Cultura e Um Menino Muito Maluquinho (2006), na TVE Brasil.


Como diretora, seu primeiro trabalho foi no curta-metragem A Origem dos Bebês Segundo Kiki Cavalcanti (1995). De lá para cá, já dirigiu 5 longa-metragens, Durval Discos (2002), É Proibido Fumar (2009), Chamada a Cobrar (2012), Que Horas ela Volta? (2016) e, mais recentemente, Mãe só há uma (2016).


Ava Duvernay


6 diretoras que você precisa conhecer

Diretora, roteirista, produtora e publicitária. O currículo de Ava Duvernay é extenso e sua relação com o cinema começou bem antes do seu primeiro trabalho como diretora no documentário This is the Life (2008). Ava trabalhou como publicitária de filme durante 15 anos e tem em seu currículo as campanhas de The Rosa Parks Story (2002), The Terminal (2004) e The Help (2011).


Como diretora, Ava trabalhou em grandes produções e recebeu em 2012 no Sundance Film Festival, o prêmio de “Melhor Direção” por Middle of Nowhere, seu segundo longa-metragem. Outros trabalhos que ganharam muito destaque foram Selma (2014), o documentário 13° Ementa (2016) e a série Olhos que Condenam (2019).


Kathryn Bigelow


6 diretoras que você precisa conhecer

A primeira (E ÚNICA!!) mulher a ganhar a estatueta de “Melhor Direção” no Oscar tinha que estar na nossa lista! Kathryn Bigelow fez sua estreia na direção em 1992 no filme The Loveless, estrelado por Willem Dafoe.


Além da sua direção em Guerra ao Terror (2009), filme que a consagraria com um Oscar, Kathryn trabalhou em outros oito filmes. Dentre esses, dois foram protagonizados por mulheres sendo que, o mais recente, A Hora mais Escura (2012) chegou a ser indicado em 5 categorias no Oscar.


Céline Sciamma


6 diretoras que você precisa conhecer

A diretora e roteirista francesa Céline Sciamma recebeu muita atenção da crítica e do público em geral com seu último trabalho, o filme Retrato de uma Jovem em Chamas (2019). Com indicação ao Globo de Ouro e Bafta na categoria de “Melhor Filme Estrangeiro”, o filme também concorreu em diversas categorias no César 2020, dentre elas, a de “Melhor Direção”.


Infelizmente, a vitória da categoria ficou com Roman Polanski, diretor acusado de abuso sexual por diversas mulheres. Você pode saber mais sobre o caso clicando AQUI!


Por essas e outras que, cada vez mais, tem se tornado muito importante apoiarmos as mulheres prestigiando seu trabalho e as apoiando. Além de uma carreira brilhante na direção, Cèline roteirizou filmes importantes, como a animação Minha Vida de Abobrinha (2017), indicado ao Oscar de “Melhor Animação”.



Eu tenho certeza que você já colocou vários filmes na sua lista, né? Não deixe de assistir e indicar para os seus amigos.


___


Listas semanais com dicas selecionadas sobre filmes, séries, músicas, livros e peças teatrais. É nessa categoria que você descobre sugestões do que assistir nas plataformas de streaming ou o que fazer em um dia atoa em casa.